visita ao Aggeu

27 outubro, 2008

Idas ao Aggeu Magalhães – FIOCRUZ
A nossa primeira visita ao Aggeu Magalhães ocorreu no dia 29/09/2008, Débora e Elizandra foram comigo, ao chegar no centro fomos recebidas por Fernando, e posteriormente por Barnabé, que foi o nosso professor de malacologia e guia , ele nós mostrou cada processo realizado no setor de Esquistossomose, desde os criadouros até os processos de analise fecal, nós vimos passo a passo método kato-katz. Eles foram muitos simpáticos conosco, o técnico Barnabé cedeu uma apostila para mim.
A minha segunda visita foi muito divertida, ela ocorreu dia 24/10/2008, eu fui recebida por Fátima Silva, técnica de laboratório ( conhecida como fatinha), nós conversamos bastante e eu aproveitei para tirar fotos de todas as salas. Barnabé chegou um pouco atrasado, mas assim que ele chegou fomos para sala de analises, onde ele reuniu todo o material que iria me ceder. Ele também me ensinou a achar os ovos de schistossoma.
Resumindo foi tudo muito bom, essa experiência eu nunca esquecerei!!!!!

Cuidados extras

24 outubro, 2008

Para ingerir verduras,frutas ou legumes de plantações que suspeite apresentar a presença de caracóis africanos:

Observe e as folhas estão inteiras,ou seja, se não foram comidas pelos caracóis.

Deixe as verduras,frutas e legumes mergulhados em uma mistura contendo 01colher(sopa) de água sanitária para 01litro de água,durante 30minutos.

Enxágüe muito bem antes de comer.

PREVENÇÂO

Para evitar que os caracóis africanos presentes em propiedades vizinhas cheguem ao seu terreno,prepare uma mistura de sabão em pó e água,formando uma calda forte,e espalhe sobre o murro.

Refaça esse procedimento a cada 3 semnas ou após cada chuva.

contaminação

22 outubro, 2008

A ingestão ou simples manipulação dos caracóis ,pode causar a contaminação ,pois os vermes transmissores das doenças são encontrados na secreçao do molusco. E ao se instalar em hortas e pomares,podem contaminar frutas e verduras.

Como recolher e exterminar o caracol ?

- A  orientação é para que os próprios moradores façam o recolhimento dos moluscose,munidos de luvas descartáveis para não ter contato som o caracol,os coloquem em recipientes com tampa;

-Manusei e colete o caracol com a proteção de luvas ou sacos plásticos (verifique se o saco e as luvas não estão furados;

-Não coma, não beba, ,não fume e não leve a mão à boca,durante o manuseio do caracol, caso queira comer, beber ou fumar,tire as luvas e lave as nãos após ter tido contato com o caracol;

-Coloque os caracóis africanos em sacos plásticos;

-Para exterminar os caracóis ,mantenha-os dentro de dois sacos plásticos e pise em cima com calçado adequado (tênis ou botas) para quebrar as conchas;

-Para exterminar este caracol é necessário queimá-lo completamente,caso contário,os vermes continuaram no local;

-Outra alternativa é ferver os caracóis durante 50minutos;

-Após esses procedimentos enterre-os em valas de 80cm,jogando cal virgem em cima dos caracóis mortos nos sacos(cudado,pois  o cal virgem é cáustica e queima,causando danos a pele);

-Depois cubra a vala com terra.

ATENÇÂO : essas valas devem estar distantes de poços ou cisternas.

-Lave as mãos apos esses procedimentos.

prejuízos

16 outubro, 2008

O caracol africano causa sérios danos ao meio ambiente, segundo o IBAMA,os caracóis atacam plantações,principalmente em áreas de pequenos cultivos,como mandioca, tomates, verduras, abóbora, feijão, etc .. Que não sofrem grandes aplicações de veneno. Eles consomem também plantas ornamentais e não atacam só a folhas,flores e frutos das árvore,mas também sua casca.

Segundo o CCZ(Centro de Controle Zooneses),o caracol africano pode transmitir duas doenças : a Angiostrongilíase Mengioencefálica humana causada pelo Angiostrongylus cantonenses e Angiostrongilíase abdominal causada pelo Angiostrongylus costaricenses. No primeiro caso,são provocadas fortes fortes dores na cabeça e constantes rigidez na nuca  e distúrbios do sistema nervoso,e no segundo, perfuração intestinal e hemorragia abdominal,cujos sintomas são dor abdominas,febre prolongada,anorexia e vômitos.

Nos EUA, o caracol foi introduzido no Havaí em 1939,chegou à California no final da ll Guerra Mundial e alcançou a Flórida no início da década de 70. Também está presente na Austrália,na Índia e em países de Sudeste Asiático. Inúmeros esforços,sem sucesso, têm sido feito nesses países para controlar e erradicar esse molusco das áreas invadidas.

Reprodução

15 outubro, 2008

 

O caracol é um molusco invertebrado que possui um esqueleto externo que é sua concha. Na cabeça há uma boca e quatro tentáculos,nos maiores estão os olhos, o poro genital fica próximo a cabeça e o pé é a massa que se espalha á frente e atrás da concha. No interiorda concha estão o fígado,rim,coração,pulmão e estômago.

O caracol africano é hermafrodita com fecundação cruzada . Segundo a Defesa Civil Municipal sem acasalamento cada caracol bota 1.200 ovos por ano, e acasalados o número dobra,ou seja, a cada dois meses cada caracol põe 200ovos.

 

 

 

 

 

Eita bichinho para gostar de se reproduzir viu.

 

Amanhã vamos falar sobre os prejuizos que ele causa.

Introdução no Brasil

14 outubro, 2008

Como prometemos todos os dias postar informações sobre o caracol. Ai vai a de hoje

O caracol africano,cujo nome cientifico é Achatina Fulica foi introzido no Brasil por volta de 1989, trazido no Leste-Nordeste da África como alternativa para substituir o escargot na culinária. Mas, como não teve boa aceitação no mercado ,foi solto no meio ambiente. A propagação da espécie,segundo o IBAMA, foi devido  a alta capacidade reprodutiva do caramujo e pela ausência de predadores naturais.

Os caracóis são parcialmente arborícola generalistas,mas ainda podem praticar o canibalismo, devorando ovos e caracóis jovens da mesma espécie, afim de sobreviver em ambientes pobres em cálcio e alimentos.

Segundo o CCZ(Centro de Controle Zoonoses),tamanho varia de 10 a 20 cm e pesam carca de 200gramas. Ele possui forma espiral cônica,cor marrom-escura com listras brancas desiguais.

 Ontem não conseguimos postar nenhuma foto, graças a deus hoje a net está do nosso lado,demorou mas ,enfim conseguimos.

 

 

 

 

 

 

Lembrando que qualquer dúvida é so deixa-la nos comentários

até amanhã :$

Decidimos abordar esse assunto na feira,devido a grande inscidência do molusco no Brasil, e infelizmente a  da população está desenformada a respeito do assunto,colocando em risco a sua saúde.

E nada como um blog para divulgar e tirar as dúvidas dos interresados no assunto.

Aqui você terá acesso a um conteúdo rico em informações.Atualizado todos os dias com informações sobre ele.

Caso tenha alguma dúvida,dexe sua pergunta nos comentários e nós responderemos uma por uma.

até a próxima :D

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.